Category

Notícias

Valor do IPVA 2020: Confira a Tabela Com Datas de Vencimento

By | Notícias

A novidade é que o valor do IPVA 2020 deverá ficar, em média, 3,54% mais barato em relação aos anos anteriores.

A partir desta sexta-feira, 03 de janeiro, será possível descobrir o valor do IPVA 2020 dos veículos de São Paulo em toda a rede bancária. O governo de São Paulo também liberou a data de vencimento para pagamento dos veículos. A novidade é que o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2020 deverá ficar, em média, 3,54% mais barato em relação aos anos anteriores.

É possível descobrir o valor do IPVA 2020 através dos terminais de autoatendimento dos bancos, pelos apps dos bancos, pela internet ou, para os que preferem, também é possível consultar diretamente nas agências bancárias, desde que tenha em mãos o número do Renavam do veículo. Opcionalmente, o valor pode ser consultado pelo site da Fazenda.

Valor do IPVA 2020 deverá ser menor

Segundo dados da Secretaria da Fazenda de São Paulo, o valor do IPVA 2020 deve ficar cerca de 3,54% mais barato. Baseando-se no cálculo da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), a queda do valor se justifica devido à queda do valor venal dos preços praticados no varejo para os veículos.

Assim como nos anos anteriores, os proprietários deverão se basear no número final da placa para descobrir o dia de vencimento. O valor do IPVA 2020 poderá ser pago em cota única, com desconto, ou parcelado em até 3 vezes. A partir de 2 de janeiro de 2020, o contribuinte que desejar também pode optar pelo licenciamento antecipado e realizar o pagamento independentemente do número final da placa do veículo.

  • Se optar por cota única COM desconto de 3%, o valor deverá ser quitado até 22 de janeiro de 2020 (o dia certo varia de acordo com a placa);
  • Caso o proprietário tenha optado por parcelar, o valor da primeira parcela também deverá ser pago até 22 de janeiro de 2020 (o dia certo varia de acordo com a placa);
  • Se optar por cota única SEM desconto de 3%, o valor deverá ser quitado até 24 de fevereiro de 2020 (o dia certo varia de acordo com a placa);
  • Caso o proprietário tenha optado por parcelar, o valor da segunda parcela também deverá ser pago até 24 de fevereiro de 2020 (o dia certo varia de acordo com a placa);
  • Caso o proprietário tenha optado por parcelar, o valor da terceira parcela deverá ser pago até 24 de março de 2020 (o dia certo varia de acordo com a placa).

Calendário de vencimento IPVA 2020

Veja a seguir a tabela com o calendário de pagamentos. Fique atento ao número da sua placa e a data de vencimento (clique na imagem para vê-la ampliada).

Valores de multas e penalidades por atraso

Quem não pagar o valor do IPVA 2020 estará sujeito a pagar multa de 0,33% por dia de atraso, mais juros de mora. O juros se baseia na taxa Selic. Após 60 dias sem pagamento, a multa será de 20% do valor total do imposto.

Se o proprietário do veículo continuar inadimplente, as consequências poderão ser ainda piores. A multa passará a ser equivalente a 40% do valor do imposto, e o proprietário estará sujeito a ter seu nome inscrito no Cadin Estadual. Isso o impedirá de utilizar os créditos acumulados no programa Nota Fiscal Paulista. Além disso, o proprietário estará sujeito a ser cobrado pela Procuradoria Geral do Estado mediante protesto.

Vale lembrar que se o proprietário do veículo continuar inadimplente, ele também não conseguirá realizar o licenciamento do carro e, caso seja pego, seu veículo poderá ser apreendido, receber multa e o proprietário ser penalizado com sete pontos na CNH.

Outubro Rosa 2019

By | Notícias

O câncer de mama é segundo tipo que mais acomete brasileiras, representando em torno de 25% de todos os cânceres que afetam o sexo feminino. Para o Brasil, foram estimados 59.700 casos novos de câncer de mama em 2019, com risco estimado de 56 casos a cada 100 mil mulheres.

Os principais sinais e sintomas da doença são: caroço (nódulo), geralmente endurecido, fixo e indolor; pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja, alterações no bico do peito (mamilo) e saída espontânea de líquido de um dos mamilos. Também podem aparecer pequenos nódulos no pescoço ou na região embaixo dos braços (axilas).

Não há uma causa única para o câncer de mama. Diversos agentes estão relacionados ao desenvolvimento da doença entre as mulheres, como: envelhecimento (quanto mais idade, maior o risco de ter a doença), fatores relacionados à vida reprodutiva da mulher (idade da primeira menstruação, ter tido ou não filhos, ter ou não amamentado, idade em que entrou na menopausa), histórico familiar de câncer de mama, consumo de álcool, excesso de peso, atividade física insuficente e exposição à radiação ionizante.

A prática de atividade física e de alimentação saudável, com manutenção do peso corporal adequado, estão associadas a menor risco de desenvolver câncer de mama: cerca de 30% dos casos podem ser evitados quando são adotados esses hábitos. A amamentação também é considerada um fator protetor.

Nos últimos anos, o INCA tem trabalhado com a população feminina a importância de “estar alerta” a qualquer alteração suspeita nas mamas (estratégia de conscientização), assim como tem desenvolvido ações com gestores e profissionais de saúde sobre a importância do rápido encaminhamento para a investigação diagnóstica de casos suspeitos e início do tratamento adequado, quando confirmado o diagnóstico.

Além de estarem atentas ao próprio corpo, mulheres de 50 a 69 anos devem fazer mamografia de rastreamento a cada dois anos. Esse exame pode ajudar a identificar o câncer antes de a pessoa ter sintomas. A mamografia nesta faixa etária, com periodicidade bienal, é a rotina adotada na maioria dos países que implantaram o rastreamento organizado do câncer de mama e baseia-se na evidência científica do benefício desta estratégia na redução da mortalidade neste grupo.

O INCA e o Ministério da Saúde lançaram a campanha Outubro Rosa 2019, que reforça três pilares estratégicos no controle da doença: prevenção primária, detecção precoce e mamografia. A campanha, que inclui cartazes, folders, banners e cards para impressão e utilização nas redes sociais, foi criada para divulgação não apenas em outubro, mas ao longo do ano inteiro, porque o cuidado com as mamas deve ser uma preocupação permanente. O mote da campanha é “Cada corpo tem uma história. O cuidado com as mamas faz parte dela” .

Setembro Amarelo: por que é tão relevante falar sobre a prevenção do suicídio?

By | Notícias

Conheça o movimento “Setembro Amarelo” e entenda a importância do diálogo para a prevenção do suicídio.

Os casos de suicídio têm aumentando no mundo todo. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), só no Brasil, a taxa de suicídios na população de 15 a 29 anos chegou a 5,6 por 100 mil habitantes em 2014. A organização ainda afirma que muitas pessoas ainda consideram essa hipótese e outras ainda podem ter obtido tentativas frustradas que não contam nas estatísticas. Por isso, contribuir com ações para auxiliar a prevenção do suicídio é muito importante.

Atualmente, a conscientização sobre a prevenção do suicídio é muito forte no chamado Setembro Amarelo, mês em que o assunto é tratado com mais ênfase.

Hoje, você vai entender melhor sobre a importância de se conversar sobre suicídio e como isso pode ajudar na prevenção.

O suicídio ainda é um tabu

O suicídio vem, essencialmente, de um estado depressivo, que, por sua vez, pode ser causado por inúmeros gatilhos: falta de dinheiro, solidão e problemas familiares são alguns dos fatores que podem levar a essa tragédia.

Mas, mesmo com os números de suicídios cada vez mais altos, o assunto ainda é considerado um tabu para muitas pessoas.

Tendo em vista que tirar a própria vida é uma decisão extrema para fugir do que é considerado um problema sem solução, a melhor forma de evitá-lo é detectar quando a possibilidade existe e agir a tempo.

A importância de falar sobre suicídio

É comum que os pais evitem falar sobre suicídio com os filhos, na tentativa de minimizar a importância percebida pelo adolescente de um determinado problema que observam, ou mesmo por que os filhos não dão abertura suficiente para que o assunto seja discutido.

Para se ter uma ideia do quão importante é falar sobre o tema, dados da OMS (Organização Mundial da Saúde) apontam que o suicídio já é a segunda maior causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos.

E não são só os adolescentes que não conversam sobre o assunto: pessoas de qualquer idade podem ter um bloqueio de falar sobre algo tão importante, como se abordar o assunto fosse deixá-lo em evidência na cabeça de quem está depressivo.

Porém, a conversa pode abrir caminhos que passam longe de “indicar uma possibilidade”, que seria o suicídio, para a pessoa que está passando por uma crise.

A conversa pode abrir novas perspectivas e até alertar a outra pessoa para tomar medidas mais drásticas para solucionar a situação.

Por isso é tão importante que a sociedade como um todo, família, amigos, escola e grupos de trabalho, esteja atenta aos menores sinais, disposta e preparada para discutir o tema e encaminhar a pessoa para um tratamento que a trará um novo olhar sobre a vida e a vontade de prosseguir.

Levar em conta os menores sinais pode fazer a diferença

Muitas vezes, o diálogo até acontece. Porém, quem ouve uma pessoa falar que não tem mais vontade de viver e que, muitas vezes, tem vontade de tirar a própria vida, pode acabar por não dar a atenção devida a essa fala tão séria.

Além de não ignorar esse tipo de fala, também é preciso ficar atento a outros sinais que são dados, que podem indicar a depressão e a vontade de se suicidar. Confira alguns dos sintomas que devem ser acompanhados e levados a sério:

  • Tristeza persistente;
  • postagens relacionadas a suicídio ou depressão profunda nas redes sociais;
  • perda de interesse em atividades que antes davam prazer;
  • fadiga;
  • falta de energia;
  • alteração no sono;
  • irritabilidade;
  • alterações no apetite;
  • choro sem razão aparente;
  • ideias de morte;
  • dores e sentimento de inutilidade.

O Setembro Amarelo e a difusão do assunto

O Setembro Amarelo é uma campanha iniciada pelo CVV (Centro de Valorização da Vida) que pretende dar mais visibilidade e orientar a maior quantidade possível de pessoas sobre a importância de falar sobre o suicídio.

Para atingir a população, são feitas ações de rua, como caminhadas e passeios de bicicleta que conscientizam as pessoas sobre a importância de conversar sobre o tema e procurar acompanhamento psicológico ou psiquiátrico.

Se você conhece alguém que tem sintomas de depressão, fala frequentemente sobre morte ou apresenta algum dos comportamentos que abordamos acima, não hesite em procurar ajuda especializada.

Você pode salvar uma vida.

Agora que você já sabe mais sobre a importância do Setembro Amarelo e da prevenção do suicídio, que tal compartilhar esse post e deixar seus amigos cientes também?

Pirelli lança pneu que se comunica com o carro

By | Notícias

Carros inteligentes precisam de pneus inteligentes. Por que não? A Pirelli apresentou durante o Salão de Genebra o projeto batizado de “Cyber Car”. Trata-se de um programa que envolve um pneu ultra tecnológico que pode se comunicar com o veículo e seu proprietário, em tempo real. Tudo para aprimorar a experiência de condução. É um avanço do programa “Pirelli Connesso”, lançado em 2017.

No conceito do projeto, que agora passa a ser trabalhado junto às montadoras, cada pneu contém um sensor que registra não apenas a pressão interna, mas também a temperatura, a carga vertical imposta, desgaste e localização.

Através de um sistema chamado “Connesso”, a Pirelli transmite essas informações aos usuários por meio de uma aplicativo de smartphone. Além disso, os dados são carregados na nuvem. A ferramenta é muito útil para reconhecer, por exemplo, quando o clima está frio, com possibilidade de deixar o piso mais escorregadio. O software percebe a condição e pode intervir, acionando os freios ABS e o controle de estabilidade do veículo.

Um dado importante para se calcular a autonomia de carros elétricos é o peso que ele carrega sobre os eixos. E é aí que entra outra vantagem do pneu futurista da fabricante italiana. Ele pode informar, com precisão e regularidade, qual é a carga que o veículo pode carregar.

Segundo a Pirelli, o Cyber Car também pode permitir o acesso a um conjunto de serviços personalizados para atender às necessidades dos motoristas, como a disponibilidade de estacionamentos, assistência em rodovias e manutenção. Vários fabricantes automotivos já estão em fase avançada de integração com a tecnologia da Pirelli e os primeiros veículos equipados com o pneu inteligente podem chegar ao mercado no final deste ano.

O único veículo oficialmente calçado com a novidade até agora é ninguém menos do que a Ferrari FXXK, um superesportivo híbrido de 1.050 cv. Nada mal começar assim, hein?

 

Fonte: Auto Esporte

Saiba a função de cada luz do painel do carro

By | Notícias

Você sabe dizer o que significam todas as luzes do painel do seu carro? Algumas, certamente são bem simples por estarmos acostumados ver acesas, mas têm algumas que aparecem esporadicamente e que fazem a dúvida rondar sobre as cabeças, afinal, pra quê tanta luz assim? Acredite: todas elas são extremamente úteis e podem ajudá-lo em situações nas quais o carro não acusa nada, a não ser esse sinal de alerta.

Por isso, é muito importante conhecê-las e saber exatamente o que o carro está informando, seja lá um motor quente, falta de água no radiador, um freio de mão que não foi abaixado por completo, etc.

Significado das luzes do painel

Luz acessa no painel, em geral, não é bom sinal. No entanto, há algumas variações, principalmente na questão de cores e esse é um belo exemplo do significado das luzes do painel. Luz vermelha acessa no painel significa emergência, já luz amarela acessa significa alguma advertência.

O que pode dificultar é que algumas dessas luzes não são autoexplicativas, por isso, conhecer o desenho de cada uma e saber exatamente o que está acontecendo com o carro pode lhe ajudar na tomada de decisões mais assertivas.

Luzes de emergência (vermelhas)

Airbag

airbag

Se essa luz estiver acessa significa que foi detectado um problema no sistema de airbag e ele poderá não funcionar em caso de acidente. Por isso, vá o quanto antes para uma oficina autorizada resolver essa questão. Essa luz pode ser amarela em alguns carros.

Bateria

bateria

Essa luz acesa pode significar algum problema na própria bateria, no alternador, na correia ou no circuito de carga. Essa luz deve acender no momento da ignição e apagar completamente quando o carro estiver ligado.

Temperatura do líquido de arrefecimento

temp

Neste caso, o problema pode ser um pouco mais sério. Pode apontar um possível superaquecimento do motor ou que isto está breve de acontecer. Pode indicar que há falta de água, falha no sistema de ventilação ou em sensores.

Pressão do óleo do motor

pres

Outro ícone que é mais comum de aparecer nos carros. Ele avisa que a pressão do óleo do motor está abaixo no mínimo necessário. Essas quedas se dão por panes na bomba ou na válvula de alivio do sistema, folgas excessivas nos mancais ou o motor superaquecido.

Fluido de freio baixo ou freio de estacionamento

fl

Essa luz aqui é bem comum de ser vista. Ela vai acender quando o fluido do freio atingir o mínimo necessário para segurança ou quando o freio está acionado.

Luzes de advertência (amarelas)

Injeção eletrônica

inj

Essa luz acende no momento da ignição, mas deve apagar logo em seguida. Caso ela esteja acendendo com frequência pode significar problemas no injetor ou no catalisador, causando consumo excessivo de combustível  ou falhas na próxima ignição.

Pré-aquecimento das velas

pre

Em alguns carros flex mais modernos e que não precisam do tanquinho de combustível, essa luz acende para avisar que o sistema entrou em funcionamento para aquecer o etanol antes de injetar no cilindro. Já em carros que possuam o reservatório de gasolina, significa que o combustível está sendo usado.

 

Fonte: Minutos seguros